27 de fev de 2015

Tamanho 42 não é gorda - Meg Cabot


Título:  Tamanho 42 não é gorda

Autor: Meg Cabot
Ano: 2012
Páginas: 411
Editora:  Record

Classificação: (4/5)  Skoob











Sinopse: Heather Wells está no fundo do poço: perdeu seu namorado, nenhuma gravadora se interessa por suas músicas, ganhou peso e só entra em roupas tamanho 42, o pai está atrás das grades e a mãe fugiu para Buenos Aires com suas economias - e seu agente! Mas, aos poucos, as coisas parecem que vão se ajustar. Ela consegue um novo emprego como inspetora em uma faculdade de Nova York e está feliz com seu novo manequim. Mesmo sem o glamour e glória dos dias de ídolo teen, tudo parece ter melhorado. Ou será que ela está enganada? 

De uma hora para outra, uma estudante morre misteriosamente no poço do elevador do campus. Os policiais e a diretoria estão prontos para declarar a morte como acidente, mas Heather conhece os adolescentes, e meninas não brincam com elevadores. Ainda que ninguém esteja muito interessado em ouvir suas suposições - mesmo depois que outras estudantes aparecem mortas de maneiras igualmente corriqueiras e sutilmente sinistras -, Heather decide entrar numa enlouquecida caçada para descobrir a verdade. 


À primeira vista, a vida de detetive pode parecer uma irresistível aventura, com altas doses de adrenalina, mas a realidade é potencialmente perigosa. Alguns riscos podem ser fatais e nada é capaz de irritar mais um assassino do que uma ex-estrela pop corpulenta enfiando o nariz onde não é chamada... 


Heather foi uma pop star na sua adolescência, famosa de um sucesso só mas por que queria cantar suas próprias musicas foi dispensada pela gravadora, agora em seu novo emprego no universidade de Nova York tudo para parece estar voltando ao normal até que uma morte misteriosa acontece dentro da universidade e então Heather  resolve investigar e com isso não percebe que se torna alvo do assassino.

Pra mim esta história foi meio aguá com açúcar ou fui com muita sede ao pote pois no começo é tudo muito parado sem nenhuma ação que realmente te prenda a história, abandonei o livro logo no começo, mas dai um dia daqueles que você sai e não leva o livro acabei voltando a ler pois só tinha o Kyndle na bolsa, fiquei um pouco mais interessada pela história e acabei até curtindo um pouco esta coisa de descobrir quem era o assassino e fiquei surpresa quanto a revelação do mesmo. Para mim foi uma leitura até boa, rápida por causa da escrita que é leve o bom humor é com certeza a melhor parte pois te faz rir em vários e vários momentos, pra quem espera um romance este fica a desejar. Indico esta leitura mas não vá com muitas expectativas para não se decepcionar.


 resenhatamanho42nãoégordablogandocomapriih


Bjinhos no coração<3



Links relacionados:



    Nenhum comentário:

    Postar um comentário









    Curta nossa Fanpage!